Sangue do cordão umbilical salva um doente de câncer por mês

Virtus Impavida

Nilo Fujimoto

Os partidários da “matança dos inocentes” não têm como contestar que a vida dos nascituros é um direito sagrado. Além disso, os recém-nascidos podem salvar a vida de outros, segundo se deduz da reportagem publicada no site IG (9-11-2012).

Fernanda Aranda inicia sua reportagem dizendo que o sangue do cordão umbilical salva um doente de câncer por mês.

“Os dados são do Instituto Nacional do Câncer (Inca) que armazena 12 mil cordões umbilicais em 12 bancos públicos nacionais. Desde 2004, ano da criação da rede nacional de bancos públicos de cordão umbilical (Brasilcord), até setembro de 2012, já foram realizados 140 transplantes por meio destes materiais – média de 1,4 cirurgia por mês.”

A coleta é realizada junto aos pais dos recém-nascidos que decidem pela doação.

“Após ser armazenado em bancos especializados e públicos, o cordão é utilizado no transplante de medula óssea, tratamento indicado para alguns casos…

Ver o post original 295 mais palavras

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s