Dia Internacional da Mulher

Mas e o real significado disso? Porque aconteceu? Era para ser comemorado mesmo?

Bem tudo começou no dia 8 de março de 1857, quando operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho. Sendo que antigamente as mulheres sofriam muito, quando eram cortejadas tinha que ”aceitar”, claro que nenhuma poderia reclamar do assédio. Mas houve várias mulheres que na época não aceitava isso, que não fazia o menor esforço para se encaixar na época (Coco Chanel, Marie Curie, Maria Antonieta, Anita Garibaldi e claro que antes disso teve várias também como Cléopatra e a Joana D’ Arc e ainda tem muita mulher que deixou uma grande marca na sua época e até hoje)

Mas com essa atitude as mulheres da fabrica com a sua manifestação não foi nada mais que reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano.

Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o “Dia Internacional da Mulher”, em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU (Organização das Nações Unidas).

O objetivo da data ao ser criada não era comemorar, e sim um marco na história para ser lembrado por aquelas mulheres corajosas. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem, em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional.

Mas hoje em dia isso tudo esta mudado e continua mudando cada vez mais, as mulheres hoje em dia não sofrem tanto, mas ainda existe muita coisa nesse mundo que não é divulgado.
E claro que quando alguém te dar Feliz Dia Internacional da Mulher não é para você fazer um debate sobre o horror que aconteceu em 1857 e sim para se sentir orgulhosa em ser mulher e continuar sendo forte, pois mulher também sabe muito bem pegar uma machado e ir cortar cabeças por ai.

Fonte:http://medob.blogspot.com.br/search/label/Curiosidades

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s